Transexual é assassinada no Grota dos Camilos
28 de janeiro de 2015

Foi morto a tiros, no início da manhã dessa terça-feira (27), no Bairro Inácio Martins (Grota dos Camilos), o transexual Wallace Xisto Rocha, de 20 anos, popularmente conhecido por Carol. Segundo informações prestadas à Polícia Militar, Carol tinha um romance com Alexsandro Miranda Anastácio (Lequinha), de 39 anos, apontado como principal suspeito do crime.

Populares disseram que, por volta das 7h, ouviram Carol gritar por socorro na Rua Maria das Neves Costa Amaral, onde residia. Em seguida, ouviram dois disparos de arma de fogo e viram Lequinha sair correndo com uma mochila nas costas em direção a uma trilha que dá acesso ao Bairro João Braz. A vítima morreu no local com um tiro no rosto.

Segundo familiares de Carol, Lequinha estava obcecado por ela e, após o fim do relacionamento há duas semanas, chegou a oferecer dinheiro para quem a levasse até a sua residência. Presume-se que ele já planejava matá-la. Ainda no local do crime, algumas pessoas muito exaltadas queria fazer justiça com as próprias mãos e ameaçaram matar o autor do crime.

Incêndio

No desdobramento do caso, por volta das 11h, em rastreamento a Lequinha, a Polícia foi informada de que pessoas não identificadas haviam ateado fogo na casa de Noêmia Izabel Alves, de 84 anos, avó de Lequinha, no Bairro Bom Jesus. O Corpo de Bombeiros compareceu ao local para controlar o incêndio. Dois quartos que ficam de frente para a rua tinham colchões, sofás, televisores, armários e enfeites. Tudo foi queimado.

O suspeito do homicídio continua foragido.

Publicidade

NOVO ENDEREÇO NA RUA DOUTOR MILTON BANDEIRA, 34 – LOJA: 01 – CENTRO
WhatsApp (31) 9 8675-7021

Publicidade

(31) 3892-7686

Publicidade

(31) 3891-2524

Publicidade

Publicidade

Publicidade