fbpx
Cidade

Forte chuva causa estragos em Viçosa

A forte chuva na última quinta-feira, trouxe o sentimento de alívio para alguns moradores preocupados com a crise hídrica, mas também vários prejuízos para outros. A chuva causou alagamentos em alguns pontos da cidade, e junto com os fortes ventos, derrubou árvores, muros e destelhou algumas casas. O temporal ainda causou estragos em grandes proporções, como deslizamento de encostas e danos na rede elétrica, deixando alguns bairros sem energia por muito tempo.

A Defesa Civil recebeu mais de 60 chamadas, em ocorrências de avarias em casas nos bairros de Santa Clara, Vau Açu, Nova Viçosa e Posses. Foram casas destelhadas ou invadidas pela água, e vários moradores perderam móveis ou tiveram que sair de suas residências. Felizmente, em nenhum dos estragos registrados houve caso de pessoas feridas.

 

O dia seguinte foi para ‘arrumar a casa’. Para os moradores atingidos, hora de contar o prejuízo e para a Prefeitura, a reorganização da cidade. Um grande mutirão de limpeza foi formado para limpar as ruas, recolhendo o lixo e as árvores derrubadas, reinstalando as placas de trânsito arrancadas e cuidando da manutenção dos semáforos. Uma reunião de emergência foi convocada pela Secretaria de Governo da Prefeitura para fazer um balanço dos problemas e distribuir as ações para cada caso e dar assistência às famílias que foram atingidas.

Famílias atingidas e Plano de Contingência

Pelo menos cinco famílias estão sendo acompanhadas pela Secretaria de Assistência Social, que viabilizou telhas, colchões e cestas básicas. Já para aqueles que tiveram que sair de suas casas, está sendo providenciado o aluguel social. Telhados e muros de contenção estão sendo reconstruídos com o auxílio da Secretaria de Obras, que também está identificando pontos de alagamento pela cidade para agir imediatamente.

O secretário de governo Luciano Piovesan (ao centro), em reunião com outros membros do Plano de Contingência.
O secretário de governo Luciano Piovesan (ao centro), em reunião com outros membros do Plano de Contingência.

O Plano de Contingência do Município prevê reuniões emergenciais em situações como essa, contando com a participação de secretários e chefes de diferentes departamentos do poder público municipal. Após o começo do período de chuvas, os membros do Plano se encontrarão diariamente, na sala de reuniões da Defesa Civil para acompanhamento das ações.

Em casos de novos problemas, ligue para a Defesa Civil, que está de plantão e atendendo fora do expediente normal. O telefone é (31) 99636-9104.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo