Prefeitura, UFV, escolas e vereadores se juntam no combate ao Aedes em Viçosa
17 de fevereiro de 2016

A situação em Viçosa é preocupante: em 2015, foram 209 notificações de dengue e 137 casos confirmados. Em 2016, até nesta terça-feira, 16, havia 228 notificações, com 83 casos confirmados, 137 prováveis (faltam resultados dos exames) e apenas 8 descartados.

aedesO Ministério da Saúde divulgou novo balanço na manhã desta quarta-feira 17, onde 5.280 recém nascidos estão notificados em todo o país com microcefalia. O ministério ainda informa que foram notificados 108 mortes por microcefalia durante a gestação ou logo após o parto, destes , 27 crianças vieram a falecer. Outros 70 continuam em investigação e 11 já foram descartados.Em Viçosa até o momento não foi registrado nenhum caso de microcefalia associado ao Zíka Vírus.

Nesta semana a prefeitura, vereadores, escolas publicas e privadas e UFV estão se mobilizando no combate ao Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya.  Um dos grandes medos de toda a cidade e das autoridades é da volta as aulas na Universidade Federal de Viçosa, onde milhares de pessoas de todo o país e até de fora do  Brasil vem para a cidade para estudarem na UFV. E com esses alunos podem vir o vírus da Zíka e Chikungunya, que ainda não se manisfestaram na cidade.

Para evitar que esses vírus se espalhem pela cidade a prefeitura tem intensificado o combate ao Aedes e a UFV vem desenvolvendo ações de capacitação dos seus funcionários no combate ao mosquito.

Ações de combate ao Aedes

Diversas ações estão sendo realizadas em toda a cidade no combate aos focos e possíveis focos de procriação do mosquito. A prefeitura está organizando um mutirão de limpeza para recolhimento de materiais que podem servir de criadouro para o mosquito. Em função do número de focos encontrados e casos notificados, as primeiras comunidades a serem atendidas são as do Bairros Santo Antônio (dia 27 de fevereiro), Nova Viçosa (05 de março) e Bom Jesus (12 de março).

O Departamento de Fiscalização  da Prefeitura vai intensificar as vitorias em imóveis fechados e lotes que estejam sujos, onde os agentes de edemias não conseguem fazer as vitorias. Os proprietários serão notificados e caso não providenciem a limpeza do local serão multados. Outra medida, que será avaliada pela Procuradoria do Município, será a realização de um processo seletivo simplificado, para contrato com prazo determinado de 90 dias, de 30 agentes de endemias para uma ação mais efetiva.

Escolas entram na luta

Mais de 25 escolas da rede publica e privada da cidade promoveram diversas atividades de conscientização e combate ao mosquito. Na próxima sexta-feira 19, 27 escolas de toda a cidade receberão equipes compostas por vereadores e funcionários da UFV para conscientização dos alunos no combate ao Aedes. No mesmo dia as escolas promoverão uma caminhada nas suas redondezas, onde os alunos irão alertar a população dos riscos da Dengue, Zíka e Chikungunya.

A Prefeitura também enviou um ofício ao Conselho Regional de Medicina, para que o órgão determine aos médicos o envio de todas as notificações de casos suspeitos à Secretaria de Saúde, para que o Município tenha o número real e sempre atualizado para tomar as medidas necessárias.

Para combater de forma eficaz o Aedes não podemos ficar parados e muito menos deixar água parada.

 

publicidade

publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade