fbpx
CidadeRegião

Prefeitura de Viçosa assumirá o “Aeroporto de Viçosa”

A Prefeitura de Viçosa informou que está concluindo os detalhes junto à Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República para assumir a gestão do Aeródromo (aeroporto) do município de Viçosa.

Segundo a Secretaria de Governo do município  os entendimentos junto ao Governo Federal tiveram início no começo de 2015, quando a Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República oficiou ao Executivo Municipal e à Universidade Federal de Viçosa sobre a necessidade de regularização da outorga do Aeródromo do município, salientando naquela ocasião que desde 2012 haviam negociações junto ao Governo de Minas para que este assumisse a exploração deste e de outros aeródromos, entretanto não houve êxito nestas negociações com o governo estadual.

O aeroporto de Viçosa-MG foi reformado e hoje abriga uma Sub-Base da força tarefa PREVICÊNDIO-SEMA que faz parte da proteção ao Parque Estadual da Serra do Brigadeiro.
O aeroporto de Viçosa-MG foi reformado e hoje abriga uma Sub-Base da força tarefa PREVICÊNDIO-SEMA que faz parte da proteção ao Parque Estadual da Serra do Brigadeiro.

Desde então a Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República têm mantido contato com a Prefeitura de Viçosa, informando que caso não haja uma solução para regularização da outorga do aeródromo o mesmo poderá até mesmo ser interditado, sendo que a Universidade Federal de Viçosa manifestou que não têm o interesse na gestão do mesmo.

Ainda segundo a Secretaria de Governo a Prefeitura de Viçosa têm buscado informações acerca da gestão de aeródromos – bem como as possibilidades de intensificação do uso do mesmo. Após alguns meses de estudo o Executivo Municipal concluiu pela possibilidade de gestão, ampliação de uso e diversificação de possibilidades que incluirá a busca de parcerias para implantação em Viçosa de uma Escola e Pilotagem.. Está prevista também uma reunião com empresários de Viçosa, Ubá e Ponte Nova visando uso semanal de taxi aéreo com destino a Belo Horizonte, além de outras estratégias que estão sendo elaboradas.

A Prefeitura de Viçosa informou que tal decisão se baseou em primeiro lugar na possibilidade de ampliar o uso do espaço físico do aeródromo com amplo leque de parcerias, bem como que a falta de um ente para a gestão do mesmo findasse com o fechamento definitivo daquele espaço em prejuízo para Viçosa e região.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo