OCUPAÇÃO DO “BERNARDÃO” RECEBE APOIO DE PROFESSORES E SERVIDORES DA UFV
18 de outubro de 2016

Os estudantes que estão ocupando o Edifício Arthur da Silva Bernardes, popularmente conhecido como “Bernardão” cobrando da Universidade Federal de Viçosa e do Conselho Universitário da UFV u posicionamento contrário a PEC 241, que congela os gastos públicos pelos próximos 20 anos e mais transparência nas mudanças ocorridas no Restaurante Universitário recebem o apoio dos servidores técnico administrativos e dos professores da UFV.

O apoio a ocupação foi formalizado em uma carta enviada a reitora da UFV no início da noite desta terça-feira 18, a carta é assinada pela Associação dos Servidores Administrativos da UFV (ASAV), Sindicato dos Servidores da UFV (SINSUV), Associação de Profissionais de Nível Superior da UFV (ATENS),  e Seção Sindical dos Docentes da UFV (ASPUV).

Trecho da carta enviada a Reitora da UFV. Imagem: reprodução/Facebook.
Trecho da carta enviada a Reitora da UFV. Imagem: reprodução/Facebook.

Na carta endereçada a Reitora Nilda de Fátima Ferreira Soares as lideranças afirmam que apoiam a ocupação do prédio principal e se mostram disponíveis a ajudar a reitoria a negociar com os estudantes para que essa situação possa ser resolvida o mais rápido possível.

Em outro trecho da carta as lideranças afirmam que a luta dos estudantes é legítima e se faz em defesas dos serviços públicos, da universidade pública de qualidade e sobretudo gratuita.

As entidades que assinam a carta enfatizam que a reitoria da UFV deve garantir e preservar a integridade física de todos os envolvidos na Ocupação do Bernardão, e que a UFV não permita qualquer ato da polícia dentro do Campus que possa afetar o movimento dos estudantes. A carta termina dizendo que todo o processo deve ser baseado no diálogo e no atendimento das pautas reivindicadas  pelos estudantes.

Sind-UTE Viçosa também apoia ocupação

Sind-Ute Viçosa também apoia ocupação dos estudantes. Imagem: reprodução/facebook
Sind-Ute Viçosa também apoia ocupação dos estudantes. Imagem: reprodução/facebook

O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Viçosa e Região – Sind-UTE Viçosa, através de um comunicado divulgado em suas redes sociais apoia a ocupação promovida pelos estudantes da UFV e afirma que o governo do Presidente Michel Temer (PMDB) tem uma agenda autoritária e reacionária e classificam o governo como golpista.

O comunicado termina dizendo que diante do retrocesso que estão sendo impostos à sociedade “os estudantes da UFV nos dão uma lição de cidadania ocupando o Bernardão para defender o direito à escola pública, gratuita, democrática, laica, de qualidade socialmente referenciada e para todos/as, razão pela qual o Sind-UTE reitera seu apoio à ocupação e orienta sua base social e seus filiados a darem total apoio à mobilização dos estudantes.”

 

A redação de jornalismo da Rádio Montanhesa e do site Primeiro a Saber está em contato com a reitoria e com a Assessoria de Imprensa da UFV desde às 08hs da manhã desta terça-feira 18, mas até o momento a universidade não se pronunciou objetivamente sobre a ocupação do Prédio Arthur da Silva Bernardes.

Em seu site oficial a UFV informou apenas que as atividades no prédio estão temporariamente suspensas.

publicidade

publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade