27º HOMICÍDIO EM VIÇOSA: HOMEM É MORTO COM 9 TIROS
17 de novembro de 2016

A violência que tanto estampa as capas dos jornais, dos noticiários de sites de notícias e das rádios de Viçosa não para de crescer na cidade universitária, nesses 11 primeiros meses do ano de 2016 a Polícia Militar já registrou 27 homicídios um número que é tido como alarmante para os especialistas de segurança pública, visto que Viçosa é uma cidade de porte médio do interior do estado de Minas Gerais e de acordo com o IBGE a cidade tem aproximadamente 100.000 habitantes contando com a população flutuante de estudantes das universidades.

E na tarde da última sexta-feira 11, um homem foi brutalmente morto com nove tiros na rua Carlos Lacerda no bairro Estrelas. O crime que aconteceu por volta das 16hs foi visto por crianças e famílias, que passavam pelo local e deixou muita gente assustada.

De acordo com a Polícia Militar a vítima foi identificada como Reinaldo Ramalho, 28 anos, natural de São Paulo. Através de denuncias anônimas a PM foi informada de que Reinaldo Ramalho teria saído da casa de uma falando ao telefone e seguia andando normalmente pela rua, momento em ele foi alvejado por nove tiros, três foram na cabeça, dois no antebraço, um no pescoço e outros três na mão. Antes de fugirem em uma motocicleta os dois atiradores pegaram o celular da vítima e tomaram rumo ignorado em uma motocicleta de cor preta.

A mulher citada na denuncia foi procurada e encontrada pelos policiais para talvez dar pistas do homicídio que havia acabado de acontecer. Mas, aos policiais ela disse apenas que havia conhecido Reinaldo Ramalho através das redes sociais na quinta-feira 10, e ele havia passado na sua casa apenas para tomar um copo d'água, e que ele veio à Viçosa para comparecer ao Fórum, mas ela não soube dizer qual seria o motivo do comparecimento da vítima ao fórum.

A Perícia Técnica da Polícia Civil esteve no local do assassinato para realizar os trabalhos de praxe e logo em seguida o corpo foi liberado ao  Instituto Médico Legal (IML). Já a PM realizou rastreamento pelo bairro na tentativa de encontrar os assassinos mas, não obteve sucesso e a 27º morte será investigada pela Polícia Civil.

 

 

publicidade

publicidade

publicidade