PATRÕES DERAM CALOTE DO FGTS EM MAIS DE 7 MILHÕES DE BRASILEIROS
21 de março de 2017

Os patrões deixaram de pagar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS )de mais de sete milhões de trabalhadores em todo o Brasil. Os dados são da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. O valor não pago pelas empresas chega a mais de R$24 bilhões. Isso representa mais da metade do que deve ser sacado pelos trabalhadores. O empregado que estava trabalhando, e sabe que tem direito ao dinheiro deve primeiro saber por que a conta de FGTS está vazia.

Segundo o advogado Edson Veras, especialista em questões trabalhistas se a culpa for do antigo patrão, que não realizou os depósitos do benefício é necessário que o empregado entre com uma ação trabalhista contra o seu empregador, para que a justiça do trabalho o condene a fazer os depósitos. Essa é uma ação envolvendo empregado e empregador, afirmou o advogado.

Se esse for o seu caso e você está contando com esse dinheiro na sua conta temos uma péssima notícia para você, pois mesmo que você entre  com a ação na justiça agora, você não vai poder sacar o benefício segundo as regras do calendário do FGTS. Ainda de acordo com Edson Veras a medida provisória do FGTS inativo autoriza apenas o saque do saldo existentes na conta, se não tem saldo existente na conta porque o empregador não depositou, então não terá como o empregado sacar o benefício e ele terá que aguardar a decisão da justiça.

De acordo com a Caixa Econômica, cerca de 30 milhões de trabalhadores têm direito ao saque das contas inativas do FGTS.

Publicidade

NOVO ENDEREÇO NA RUA DOUTOR MILTON BANDEIRA, 34 – LOJA: 01 – CENTRO
WhatsApp (31) 9 8675-7021

Publicidade

(31) 3892-7686

Publicidade

(31) 3891-2524

Publicidade

Publicidade

Publicidade