ALUNOS DO CENTRO EXPERIMENTAL DE ARTES DE VIÇOSA GANHAM MATERIAIS NOVOS
4 de abril de 2017

Os alunos das turmas de Ballet Clássico e Jazz, do Centro Experimental de Artes  de Viçosa, ganharam, no último sábado 1º de abril, suas sapatilhas de ponta e collants. O centro, que agrupa todas as oficinas de artes oferecidas pelo município, ministra aulas de dança, música, desenho, entre outras, para quase 400 crianças, entre 7 e 19 anos.

As turmas de dança são ofertadas em uma parceria com uma academia de dança e musculação da cidade, por meio de um contrato de prestação de serviço. São cerca de 160 alunos, dos quais 60 são do Ballet Clássico, 30 do Jazz e 65 das turmas de Danças Urbanas. Destes, 90 crianças das duas primeiras receberam seus collants e 40 do ballet receberam as sapatilhas de ponta, que exige certo nível de aptidão ainda não alcançado por todas as bailarinas.

Thomas Medeiros, o Bulldog, funcionário de carreira da Secretaria de Cultura de Viçosa, músico e coordenador do projeto sócio-musical Perifonia, é o novo coordenador do Centro Experimental de Artes, no qual é professor desde 2000, em oficinas de percussão, rap e audiovisual. Ele classifica a chegada desse material, encomendado ainda no ano passado, como “muito esperada pelas crianças, pois a sapatilha de ponta é uma realização para as bailarinas”.

Já a professora das turmas contempladas, Kátia Vitalino, formada em Dança pela Universidade Federal de Viçosa e ex-aluna do Centro, ressaltou a importância do fornecimento desses materiais para as crianças, cujos pais muitas vezes não têm recursos para adquirir. Ela destacou, ainda, a qualidade do material fornecido, classificando-o como superior a muitos que eram adquiridos anteriormente pelas famílias.

Na oportunidade, os pais das crianças tiveram que assinar um termo em que se comprometem a devolver o material, caso o aluno abandone a turma, para que outras crianças possam utilizá-lo.

Além das aulas de dança, já em andamento, está previsto para começar no fim deste mês as oficinas de Violão Clássico, Violão Popular, Viola Caipira, Acordeão, Percussão, Rap, Audiovisual, Teatro, Desenho Artístico, Artes Plásticas Infantil e Fanfarra. Todas estas aulas - com exceção da última, que será no distrito de São José do Triunfo - serão ofertadas na nova sede do Centro Experimental de Artes, que funcionará na Rua Gomes Barbosa, 900. As instruções para inscrição, exclusiva para alunos da rede pública, serão divulgadas em breve.

publicidade

publicidade

publicidade