ALTO ÍNDICE DE DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS ENTRE ESTUDANTES DA UFV GERA CAMPANHA DE TESTE RÁPIDO
11 de maio de 2017

A partir desta quarta-feira (10), até sexta-feira (12), acontecerá a campanha Teste Rápido DST no campus Viçosa. Serão realizados testes, das 8h às 12h e das 13h às 17h, no Centro de Ensino de Extensão (CEE), para detectar as doenças sexualmente transmissíveis: HIV, Sífilis, Hepatite B e C. A iniciativa, da Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários (PCD), por meio da sua Divisão de Saúde (DSA) e em parceria com a Unidade de Atendimento Especializado (UAE) da Prefeitura Municipal de Viçosa, marca o início da campanha que acontecerá durante todo o ano, uma vez por mês, com datas ainda não definidas.

Segundo a chefe da DSA, Nathália Dias Pereira, para fazer o exame é necessário levar um documento com foto para realizar um cadastro. O teste é gratuito, feito por profissionais da UAE de Viçosa, e o resultado é obtido em até 30 minutos. Em caso de positivo, a pessoa já sai com uma consulta marcada com um infectologista e acompanhamento psicológico.

A parceria entre a UFV e a UAE foi motivada pela campanha Teste Rápido DST realizada em março, a pedido da vereadora Brenda Santunioni, presidente da Comissão de Direitos Humanos, Cidadania, Prevenção e Segurança Pública, que apresentou um número preocupante de resultados positivos. A campanha também foi motivada pelo alto índice de atendimentos de casos de DSTs relatados pelo médico infectologista Alex Pinheiro Simiqueli, que atende na DSA. De acordo com Nathália, a realização é uma forma de apurar a incidência das doenças entre os estudantes e a população e encaminhar para atendimento adequado, além da conscientização das pessoas quanto à prevenção dessas doenças.

A campanha realizada em março a pedido da vereadora Brenda Santunioni atendeu diversas pessoas, encerrando a semana de mobilização para prevenção às doenças, com distribuição de preservativos e orientação à população. Nos dias 17 e 18 de março a Câmara Municipal de Viçosa, em parceria com a Secretaria de Saúde e a Escola do Legislativo, promoveu a realização de testes rápidos para diagnóstico de HIV, Sífilis e Hepatite B e C. Mais de 180 pessoas fizeram o teste, que é gratuito e sigiloso, nos dois dias. A maior adesão foi entre os jovens na faixa dos 19 aos 30 anos, um total de 92 exames realizados. Homens e mulheres participaram da campanha, totalizando 95 e 93 testes, respectivamente.

publicidade

publicidade

publicidade