EX-MARIDO É SUSPEITO DE MATAR MULHER À TIROS EM PONTE NOVA; O FILHO DE APENAS DOIS ANOS TERIA VISTO TUDO
5 de junho de 2017

Uma jovem de 26 anos identificada como Patrícia Riqueira Roberto da Cruz foi morta a tiros, pelo ex-marido de 32 anos, na madrugada desta segunda-feira (5), em Ponte Nova. De acordo com testemunhas o homem teria invadido a casa da vítima pulando o portão.

De acordo com informações do Boletim de Ocorrências o crime ocorreu por volta da meia noite desta segunda-feira, na Rua Maria Pacheco, no bairro Sagrado Coração de Jesus. Patrícia dormia ao lado do filho do casal de apenas dois anos, que recebeu do pai um beijo no rosto e logo em seguida viu sua mãe sendo arrastada pelos cabelos para fora de casa e sendo morta com vários tiros dentro do carro do agressor. Logo em seguida Patrícia foi jogada no meio da rua e o seu ex-marido fugiu.

A vítima chegou a ser socorrida e encaminhada para o Pronto Socorro do Hospital Arnaldo Gavazza, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu minutos depois. Uma testemunha relatou a Polícia que Patrícia estava passeando pela Praça de Palmeiras, no Centro da cidade horas antes de ser morta. E que o seu ex-marido a observava escondido atrás dos bancos da Praça. A vítima havia ido embora em sua motocicleta e provavelmente ela teria sido seguida por seu ex.

Durante buscas pelo suspeito a Polícia Militar foi informada que ele reside no bairro Copacabana e chegando à casa do suspeito os policiais encontraram a Carteira de Identidade e a Carteira de Motorista de Patrícia Riqueira Roberto da Cruz.

Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrências havia indícios que o suspeito tivesse fugido, pois foram encontradas roupas masculinas jogadas pelo chão e no guarda-roupa não havia roupas.

Segundo o Boletim de Ocorrências Patrícia teria sido atingida por pelos menos seis tiros. Sendo no tórax, braço, na região do dorso e cabeça.

publicidade

publicidade

publicidade