fbpx
Meio Ambiente

TRANSPORTADOR DE MATÉRIA ORGÂNICA MOVIDO A ÁGUA PODE SER SOLUÇÃO NA RECICLAGEM DE RESÍDUOS DOMÉSTICOS

Atendendo ao Requerimento n° 034/2018 feito pela Vereadora Brenda Santunioni, a Câmara Municipal recebeu, na reunião ordinária da terça-feira (04), o senhor Valdecir Xisto Medeiros, que apresentou sua proposta do uso do transportador de matéria orgânica movido a água de reuso na reciclagem de resíduos domésticos.

De acordo com Valdecir, o aparelho desenvolvido por ele permitirá a reciclagem da matéria orgânica com segurança e acessibilidade para as famílias, sem prejuízo ambiental. “É uma solução para lidar com a matéria orgânica que não consumimos e, muitas vezes, damos o mesmo destino que os outros resíduos. Com o uso da água, a matéria é dissolvida e devolvida ao meio ambiente, como parte do ciclo da natureza”
disse.

Segundo Brenda, se comprovada sua funcionalidade, a ideia pode ser de grande utilidade para o município. “O aparelho seria ligado na rede de esgoto, os resíduos seriam depositados e a água seria posteriormente tratada, contribuindo para a solução de parte do nosso problema ambiental” disse a vereadora.

Ao ser questionado pelo Vereador Paulo Sérgio (Toti) se a ideia foi apresentada ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), Valdecir afirmou as dificuldades relatadas pelo serviço. “O nosso maior desafio é a rede antiga de esgoto misturada à nova que está sendo implementada. Contudo, já que Viçosa não é um município de grande porte, podemos pensar juntos em estratégias para implementar esse aparelho. Com a reciclagem de matéria orgânica, produziremos um lixo mais limpo, evitando sobrecarregar o poder público com a coleta e o meio ambiente com a poluição.”

O Presidente da Casa Legislativa, o Vereador Carlitos Alves dos Santos (Meio Kilo) (PSDB) afirmou a necessidade de pensar em soluções para os problemas ambientais. “Hoje em dia temos muito mais conforto, mas estamos acabando com o meio ambiente” disse. Segundo ele, será agendada uma próxima reunião para tratar do assunto.

Fonte: Câmara Municipal de Viçosa.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo