CidadeMinas GeraisPolítica

COMANDANTE DA POLÍCIA MILITAR DESTACA QUE MANIFESTAÇÃO FOI PACÍFICA

Na manhã de hoje, dia 15 de maio, por volta das 6h30, estudantes, técnicos-administrativos e professores da UFV, se concentraram nas 4 pilastras, onde interditaram a entrada de veículos no Campus.

A ação, foi promovida, como forma de manifestação contra os cortes da educação anunciados pelo atual governo.

Segundo o Comandante da 10ª CIA IND de Viçosa, Tenente Coronel Marcelo Guerreiro, a Polícia Militar esteve presente hoje, desde às 7h30, fazendo frente e dando apoio a articulação da manifestação. Segundo o Comandante, 30 policiais militares foram realocados em 9 viaturas para que a manifestação fosse tranquila. Eles acompanharam todo o trajeto, se iniciando nas 4 pilastras, passando pelas principais ruas do Centro da cidade, até finalizar às 13h, na Prefeitura de Viçosa. “Foram realocados os esforços, pegando equipes de Cajuri, Coimbra, Paula Cândido e cidades vizinhas e colocando o efetivo da Polícia Militar de Viçosa para que não houvesse nenhuma alteração na organização”, destaca.

Durante a manifestação, não houve fechamento de via e com o apoio da Diretran, foi possível rotacionar o trânsito.

Eles destaca que a manifestação foi pacífica e não houve nenhum incidente.

Mesmo com a chuva, a passeata segue com muitas pessoas, descendo pelo Avenida PH Rolfs, indo em direção a Câmara Municipal de Viçosa e finalizando na Prefeitura de Viçosa.

Os docentes, técnicos e estudantes, pedem o apoio da prefeitura e comunidade viçosense.

Na semana passada, professores da UFV, estiveram presentes na Tribuna Livre da Câmara Municipal de Viçosa para apresentar as consequências do corte para cidade e pedir o apoio dos representantes.

Ações seguem hoje em todo país.

Em breve, mais informações.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido! © Copyright Primeiro a Saber.
Fechar