CidadeCulturaDiversidade

BALÉ DE VIÇOSA RECEBE CINCO PRÊMIOS

As bailarinas do Núcleo de Arte e Dança, Ângela Rossi e Elisa Rossi e a bailarina Maria Júlia de Oliveira dos projetos Voar – Instituto Asas e Passos para um Futuro coordenado pelo Núcleo, participaram de uma competição em Itaúna em um concurso e festival Unidance.

Julgadas por importantes artistas da dança, como Adriana Villela e Eurico Justino, as bailarinas viçosenses trouxeram cinco prêmios.

Maria Júlia conquistou o primeiro lugar na categoria clássico juvenil e o segundo lugar na categoria solo clássico livre juvenil com a coreografia “vamos brincar” que foi ensaiada e montada por Monica Barbosa.

Já Elisa, ficou com segundo lugar na categoria clássico de repertório avançado com variação feminina de Medora no balé “o corsário” e o terceiro lugar na categoria solo clássico livre avançado com a coreografia “bela” de A Bela e a Fera com ensaios e remontagem do Maitre Reynaldo Muniz.

A irmã de Elisa Ângela ganhou um prêmio pela apresentação de variação de repertório Kitri do ballet “dom-quixote” com ensaios e remontagem do Maitre Reinaldo Muniz, alcançando o terceiro lugar na categoria avançada.

As meninas agora se preparam para um evento que vai acontecer nesse fim de semana a Mostra de Diversidade em Dança no Espaço Acadêmico Cultural Fernando Sabino, nos dias 5, 6 e 7 de julho.

A entrada será gratuita e contará com apresentações de danças urbanas, jazz e dança contemporânea com presença de grupos de Viçosa e diversas cidades de Minas Gerais.

Fonte: Folha da Mata.

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar