CidadeEducação

COMEÇOU O CURSO DE CORTE E COSTURA DO SETOR DE INCLUSÃO PRODUTIVA

Começou nesta segunda (22), o curso de corte e costura do setor de Integração Produtiva (IP), ligado à Secretaria de Assistência Social, em parceria com a vereadora Brenda Santunioni. O projeto denominado Costurando o Futuro tem por objetivo formar pessoas para estarem aptas e fomentarem o setor têxtil na cidade, e será desenvolvido em 10 módulos. A aula inaugural aconteceu no Centro de Inclusão Produtiva (CIP) localizado no bairro Bom Jesus e contou com a presença de 23 mulheres. 

O Coordenador do setor de Inclusão Produtiva, Fabrício Vieira, deu as boas-vindas às alunas e disse o quanto fica feliz com a adesão delas a esse projeto e que deseja que todas finalizem o curso com sucesso – “que saiam daqui melhor do que entraram e aproveitem cada minuto de aprendizado” – afirmou ele. Quem irá ministrar as aulas é a professora Marli Coelho Januário. Ela conta que é muito importante que tantas mulheres tenham tirado um tempo para dedicar-se ao curso e reforçou que isso irá contribuir de forma significativa na vida delas – “Aprender algo novo e se sentir preparada para os próximos desafios faz com que a auto-estima dessas mulheres melhorem. Esse é meu objetivo como professora do curso” – completou.

A vereadora Brenda Santunioni, que é parceira do IP nesse projeto, disse que as mulheres, para quem esse curso foi especialmente preparado, “precisam sair de casa, deixar a novela de lado e assumir um outro papel na sociedade. O papel da mulher que busca seus objetivos, aprende, empreende e se torna independente”. 

O setor de Inclusão Produtiva da prefeitura municipal está voltado para Políticas de geração de renda . Ele articula programas para que essas pessoas tenham novas oportunidades.

Fonte: Prefeitura de Viçosa.

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido! © Copyright Primeiro a Saber.
Fechar
Fechar