fbpx
CidadeEducação

Paula Cândido e Ubá terão ensino médio integral em escolas estaduais em 2020

Informação foi divulgada pela Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais.

A partir do próximo ano, 31 escolas estaduais da Zona da Mata e Campo das Vertentes, como das cidades de Paula Cândido e Ubá, vão oferecer o ensino médio integral para os estudantes. A informação foi divulgada, nesta segunda-feira (16), pela Secretaria do Estado de Educação de Minas Gerais (SEE-MG).

De acordo com a pasta, das 281 escolas no Estado que ofertarão a educação integral, em 44 locais o ensino médio será integrado ao programa profissional. Nestes casos, a disponibilização dos cursos foi determinada pela demanda de empregabilidade regional.

Nas demais, o protagonismo juvenil e a elaboração do projeto de vida nortearão as ações. Nesse outro modelo, além do aprofundamento acadêmico, o principal objetivo é dar ao estudante instrumentos para que ele possa pensar, planejar e se preparar para o futuro.

Escolas estaduais que vão oferecer ensino médio integral em 2020

CidadeEscola
Além ParaíbaEE São José
Além ParaíbaEE Sebastião Cerqueira
Antônio CarlosEE Lima Duarte
AracitabaEE Coronel Francisco Homem
BarbacenaEE Senhora das Dores
BarbacenaEE Professor João Anastácio
BarrosoEE Cônego Luiz Giarola Carlos
CarangolaEE Emília Esteves Marques
CarangolaEE João Belo de Oliveira
CataguasesEE Manuel Inácio Peixoto
Dona EuzébiaEE Domiciano Esteves
GuidovalEE Mariana de Paiva
Juiz de ForaEE Professor Cândido Motta Filho
Juiz de ForaEE Hermenegildo Vilaça
Juiz de ForaEE Dilermando Costa Cruz
LeopoldinaEE Sebastião Silva Coutinho
LeopoldinaEE Professor Botelho Reis
MiraiEE Santo Antônio
MuriaéEE Professor Orlando de Lima Faria
MuriaéEE João Teixeira Siqueira
Oliveira FortesEE Rubem Esteves Ruffo
PaivaEE Santa Rosa
Paula CândidoEE Professor Samuel João de Deus
RessaquinhaEE Galdino Ananias de Santana
Santos DumontEE Engenheiro Henrique Dumont
São João NepomucenoEE Professor Gabriel Arcanjo Mendonça
UbáEE Senador Levindo Coelho

Período de pré-matrícula

Segundo a SEE, a pré-matrícula deve ser feita por pais e responsáveis de estudantes que já estão matriculados na rede estadual de ensino, mas que precisam mudar para outra escola estadual, ou de alunos que desejam ingressar nas escolas estaduais, em 2020, vindos de outras redes.

Também podem fazer a pré-matrícula aqueles que abandonaram os estudos e desejam voltar às salas de aula no ensino fundamental, no ensino médio ou na educação de jovens e adultos.

A distribuição de vagas será feita de acordo com a disponibilidade física de cada unidade escolar, o tipo de atendimento prestado, o nível de ensino ofertado pela escola e serão ainda considerados critérios no encaminhamento dos estudantes conforme ordem apresentada na Resolução nº 4.231 de 2019.

No momento da inscrição no sistema de pré-matrícula, os interessados deverão inserir informações como nome completo do candidato, data de nascimento, endereço completo, número de CPF, se possuir, rede escolar de origem, e apresentar as opções de escolas em que o aluno deseja estudar.

Os resultados serão divulgados no endereço eletrônico www.matricula.educacao.mg.gov.br, a partir do dia 27 de dezembro.

Fonte: G1.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo