fbpx
RegiãoSaúde & Bem Estar

SES-MG investiga morte por suspeita de dengue em Senador Firmino

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) informou no Boletim Epidemiológico divulgado nesta terça-feira (10), que investiga um óbito por dengue em Senador Firmino. Veja abaixo mais informações sobre a dengue, além dos dados de zika e chikungunya.

Dengue

Na somatória das regiões da Zona da Mata e do Campo das Vertentes, foram registrados este ano 2.676 casos prováveis de dengue. Tocantins continua na liderança do ranking, com 1.130 e a maior incidência do estado. Em seguida aparecem Ubá (479), Visconde do Rio Branco (296) e Rodeiro (250).

Além disso, a SES-MG apura três casos de dengue com sinais de alarme – os sintomas são dor abdominal intensa e contínua, vômitos persistentes e outros – em Juiz de Fora.

Incidência

A estratificação dos valores utilizados pela SES-MG contribui para avaliação, planejamento e orientação das medidas de controle vetorial e ações de vigilância em saúde.

  • incidência baixa: menos de 100 casos prováveis por 100.000 habitantes;
  • incidência média: 100 a 299 casos prováveis por 100.000 habitantes;
  • incidência alta: de 300 a 499 casos prováveis por 100.000 habitantes;
  • incidência muito alta: mais de 500 casos prováveis por 100.000 habitantes.

Segundo o boletim do Estado, a taxa de incidência estima risco de ocorrência da dengue em uma determinada população em intervalo de tempo também determinado e a população exposta ao risco de adquirir a doença.

Chikungunya

O município de Pirapetinga continua na primeira posição do Estado em relação ao número de casos prováveis de chikungunya e é o único município que consta com incidência muito alta da doença. Ainda na Zona da Mata, Tocantins também se destaca com incidência média de chikungunya.

Em 2020, 480 casos prováveis foram notificados em Minas Gerais até o momento, sendo cinco casos em gestantes.

Zika

Segundo a publicação da SES-MG, 28 casos prováveis de zika foram registrados neste ano nas seguintes cidades da região: Ubá (16), Tocantins (8), Visconde do Rio Branco (2), Juiz de Fora (1) e Brás Pires (1).

Fonte: G1.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo