fbpx
RegiãoSaúde & Bem Estar

Ubá registra 248 casos confirmados de COVID-19

Comunicado Oficial 124 – COVID/19

Em razão da Pandemia de COVID-19, causada pelo novo coronavirus, a Prefeitura de Ubá atualiza as informações para a imprensa e a sociedade em relação às medidas tomadas e ao quadro da doença na cidade até o presente momento.

– Total de casos confirmados: 248
(Soma dos casos confirmados de COVID-19 em pacientes residentes em Ubá)

– Casos confirmados em acompanhamento: 88
(casos confirmados de COVID-19 cuja condição clínica permanece sendo acompanhada)

– Casos recuperados: 151
(casos confirmados de COVID-19 que receberam alta hospitalar e/ou cumpriram isolamento domiciliar de 14 dias sem intercorrências.)

– Óbitos confirmados: 09

– Óbitos suspeitos/investigados: 0
(soma dos casos de pacientes com suspeita de COVID-19 que vieram a óbito, cujo resultado do exame ainda é aguardado.)

– Casos Notificados: 1612
(total de casos analisados, dentre monitorados, confirmados e descartados desde 15/03/20)

– Casos em monitoramento por síndrome gripal: 986
(casos de pacientes monitorados com síndrome gripais que não se enquadram para coleta do teste)

– Casos em investigação: 16
(casos suspeitos de pacientes aguardando resultado do teste.)

– Pacientes internados em leito clínico: 7
(pacientes com caso suspeito ou confirmado de COVID-19 que encontram-se internados em leito clínico de isolamento.)

– Pacientes internados em leito de UTI: 13
(pacientes com caso suspeito ou confirmado de COVID-19 que encontram-se internados em leito de UTI.)

Sobre os novos casos confirmados:

238º caso: paciente do sexo feminino, faixa etária de 45 a 50 anos de idade.

239º caso: paciente do sexo feminino, faixa etária de 55 a 60 anos de idade.

240º caso: paciente do sexo feminino, faixa etária de 50 a 55 anos de idade.

241º caso: paciente do sexo feminino, faixa etária de 55 a 60 anos de idade.

242º caso: paciente do sexo masculino, faixa etária de 30 a 35 anos de idade.

243º caso: paciente do sexo masculino, faixa etária de 05 a 10 anos de idade.

244º caso: paciente do sexo masculino, faixa etária de 30 a 35 anos de idade.

245º caso: paciente do sexo masculino, faixa etária de 25 a 30 anos de idade.

246º caso: paciente do sexo masculino, faixa etária de 50 a 55 anos de idade.

247º caso: paciente do sexo feminino, faixa etária de 30 a 35 anos de idade.

248º caso: paciente do sexo masculino, faixa etária de 35 a 40 anos de idade.

Sobre o Minas Consciente
O Comitê Extraordinário COVID-19 de Minas Gerais deliberou pela reclassificação da macrorregião Sudeste, na qual Ubá está incluída, para a onda branca. A informação consta na Deliberação nº 68, publicada hoje no Diário Oficial do Estado. A decisão, no entanto, ainda não é definitiva. Segundo o texto, a progressão de fase poderá ser revista pelo presidente do Comitê até a data de 18 de julho, de acordo com indicadores de capacidade assistencial.

A Prefeitura de Ubá informa que somente após 18/07, ou seja, após a definição final da progressão ou não da macrorregião para a onda branca, o Comitê municipal irá se reunir para definir quais medidas serão adotadas em âmbito local. Portanto, até a presente data, Ubá permanece inserida na Onda Verde do Programa Minas Consciente.

Esclarecimento:

– O Município de Ubá esclarece que nosso boletim diário informa apenas dados referentes a situação de pacientes RESIDENTES na cidade. Trata-se de protocolo padrão adotado por todos os municípios.

Fiscalização

Para denúncias: Unidade Integrada de Fiscalização recebe e atende as demandas de denúncias somente online, através do endereço www.uba.mg.gov.br/ouvidoria

Orientações à comunidade

Façam distanciamento social, através de isolamento domiciliar. Atenção redobrada aos pacientes do grupo de risco.

Se você apresenta sintomas de síndrome gripal, caracterizados por sensação febril ou febre, acompanhada de tosse OU dor de garganta OU coriza OU dificuldade respiratória procure a Unidade Básica a Saúde do seu bairro (segunda a sexta, de 7h às 16h) ou um dos Pronto Atendimentos Municipais 24h, instalados no Hospital São Vicente de Paulo e no Hospital Santa Isabel. É obrigatório o uso de máscara ao sair de casa.

Em caso de sintomas leves: Informe o setor de Epidemiologia ou a Unidade de Saúde mais próxima, permaneça em casa por 14 dias, siga rigorosamente todas as orientações de higiene, não receba visitas, faça repouso, beba bastante água, evite permanecer em ambientes compartilhados da casa, como cozinha/ sala de estar, use máscara.

O contato deve ser feito através da Central de Atendimento Covid-19, que atende a população por meio do número 0800 000 2966, das 7h às 19 horas, todos os dias da semana. A Central também atende pelo whatsapp através dos números 3301-6503 ou 3301-6508.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo