fbpx
Meio Ambiente

Vale fará testes mensais em sirenes de barragens em Minas Gerais

Rotina de testes será implantada nas minas Jangada, Córrego do Feijão, Córrego do Meio e Capanema.

A Vale informou, nesta terça-feira (4), que vai iniciar em Minas Gerais uma rotina de testes mensais no sistema de sirenes de barragens em quatro minas. O primeiro deles será nesta quarta-feira (5), às 10h, na barragem de Capim Branco, da Mina da Jangada, localizada em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

De acordo com a mineradora, os testes são preventivos, fazem parte da implementação do Plano de Ação de Emergência de Barragens de Mineração (PAEBM) e terão apoio das Defesas Civis do estado e dos municípios. Ainda de acordo com a Vale, não é necessária nenhuma ação por parte dos moradores da região.

No teste desta quarta, o som poderá ser ouvido em parte das comunidades de Jangada e Casa Branca, no Condomínio Recanto da Neblina e em propriedades rurais próximas. Antes do acionamento das sirenes, será emitida uma mensagem reforçando que a atividade consiste em um teste. A partir de setembro, o som emitido será de música instrumental.

No dia 19 de agosto, às 10 horas, será realizado teste na barragem Galego, da Mina Córrego do Meio, em Sabará, também na Grande BH. O alerta sonoro poderá ser ouvido em parte da área industrial do município de Santa Luzia, dos bairros Córrego das Lajes e Borba Gato, da Vila Bom Destino e em parte da BR-381.

Segundo a Vale, a barragem de rejeito Galego está inativa e tem Declaração de Condição de Estabilidade (DCE) vigente.

No mesmo dia, também será feito primeiro teste de acionamento do sistema de sirene da barragem Principal, da Mina Capanema, em Santa Bárbara, na Região Central do estado. De acordo com a mineradora, a estrutura também está inativa.

O alerta sonoro poderá ser ouvido em parte da área do Parque Serra do Gandarela e Vigário da Vara.

Segundo a Vale, a partir de setembro, também serão feitos testes em barragens da Mina do Córrego do Feijão, onde ocorreu o desastre que deixou 270 vítimas, entre mortos e desaparecidos, no ano passado.

O acionamento do sistema de alarme das barragens da mina ocorrerá todo dia 18 de cada mês, sempre às 10 horas. O som poderá alcançar as comunidades de Córrego do Feijão, Parque da Cachoeira, Pires e parte dos bairros Estela Passos, Bela Vista, Jota e Planalto.

Fonte: G1.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo