fbpx
Cidade

COES determina que clubes, igrejas e nenhuma outra atividade seja reaberta pelos próximos 21 dias

Na última reunião do COES (Centro de Operações de Emergência em Saúde), nesta sexta-feira (14), foi definido que considerando as circunstâncias desfavoráveis do momento, notadamente a redução da taxa de isolamento social e o índice de ocupação de leitos de UTI, o COES deliberou pela necessidade de avaliação do cenário epidemiológico dos próximos 21 (vinte e um) dias para, só então, transcorrido esse prazo, analisar a possibilidade de autorização para funcionamento de clubes recreativos, os quais por ora deverão permanecer fechados.

Porém, o Secretário de Saúde, Marcus Schitini salientou que a regulamentação dos serviços não implica em abertura indiscriminada, sendo os restaurantes e lanchonetes exemplos dessa circunstância, mormente porque apenas três restaurantes se adequaram às normas previstas pelo Decreto respectivo até a presente data, o que evidencia a imperiosa necessidade de respeito às diretrizes sanitárias pelos estabelecimentos, sob pena de não poderem funcionar.

Além disso, o COES deliberou, por maioria, pela necessidade de avaliação do cenário epidemiológico dos próximos 21 (vinte e um) dias para, só então, transcorrido esse prazo, analisar a possibilidade de autorização de atendimento religioso presencial.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo