fbpx
Cidade

Sistema FAEMG estreita parcerias com UFV, Centev e tecnoPARQ

Projeto para avaliação das ações do Sistema FAEMG/SENAR/INAES,
formatação de treinamentos e palestras sobre Integração Lavoura Pecuária
Floresta, criação de curso sobre Transformação Digital no Agro e promoção de
eventos no Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa
(Centev) foram temas de três encontros em Viçosa.
As reuniões de gestores do Sistema com representantes da Universidade
Federal de Viçosa (UFV), do Centev e do tecnoPARQ tiveram como objetivo
reforçar as parcerias já existentes e firmar novos projetos, tudo voltado para
melhorar, ainda mais, o trabalho do Sistema e o desenvolvimento do agro
mineiro.
Impacto das ações do Sistema
No primeiro encontro, o gerente regional do Sistema FAEMG/SENAR/INAES
em Viçosa, Marcos Reis, o coordenador de Planejamento do SENAR, Celso
Furtado Júnior, e a coordenadora pedagógica, Mírian Rocha, conheceram o
Projeto de Avaliação de Impacto, desenvolvido pelos professores Viviani Lírio e
Altair Moura, do Departamento de Economia Rural da UFV.
O projeto, que o Sistema FAEMG/SENAR/INAES pretende desenvolver em
2021, tem a finalidade de identificar o impacto econômico e social das ações da
instituição. Para isso, os professores irão elaborar uma metodologia em
conjunto com os profissionais do Sistema FAEMG.
“A proposta apresentada é uma metodologia que vai dizer exatamente qual o
resultado da nossa intervenção e mostrar à sociedade quais foram os
resultados dos recursos aplicados pelo produtor no nosso Sistema.” – Celso
Furtado Júnior
“Após o desenvolvimento dessa ferramenta metodológica, os professores da
UFV irão treinar os instrutores, técnicos e supervisores para a aplicação em
todo o estado. Dessa forma, poderemos avaliar continuamente o impacto de
nossas ações.” – Marcos Reis
“Mostrar à sociedade os esforços e resultados do trabalho é fundamental. Vale
destacar que esse é um processo de construção com base no conhecimento
de toda a equipe. Essa participação gera sinergia em torno do mesmo
propósito.” – Altair Moura
“As informações geradas serão substrato para a tomada de decisão dos
gestores e também servirão à sociedade, que será provida, de maneira mais
eficiente, a partir dos recursos que ela mesma investe.” – Viviani Lírio

Sustentabilidade

Na segunda reunião, o professor aposentado do Departamento de Fitotecnina
da UFV, Lino Ferreira, reforçou a importância de abordar a Integração Lavoura
Pecuária Floresta com os responsáveis pela assistência técnica e os pequenos
produtores da Zona da Mata.
No encontro, foram indicadas ações para viabilizar a construção de
treinamentos e palestras com esse tema. Segundo o gerente regional, a
formação, em parceria com o professor, será direcionada aos técnicos do
Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) nas cadeias de café,
gado de leite e corte.
“A Integração Lavoura Pecuária Floresta pode ser uma fonte de renda extra
para os produtores e também os ajudar a ter um balanço ecológico mais
sustentável. O professor Lino vai convidar parceiros da Agronomia e da
Engenharia Florestal para desenvolver esse trabalho de capacitação.” –
Marcos Reis
“A aplicação dessa tecnologia é muito importante e há um grande campo para
sua implementação entre os produtores assistidos pelo SENAR MINAS.” –
Mírian Rocha
Novo treinamento
No último compromisso, no Centev e no tecnoPARQ, foram discutidas a
criação conjunta de um curso sobre “Transformação Digital no Agro” e a
promoção de atividades do SENAR nas instalações do Centev.
A reunião contou com a participação de Marcos Reis, Celso Furtado Júnior,
Mírian Rocha, da coordenadora do tecnoPARQ, Francilara Miranda, da diretora
executiva do Centev, Adriana Faria, e, remotamente, da coordenadora de
Inovação e Conhecimento do SENAR MINAS, Tércia Almeida, e do CEO da
NovoAgro Ventures, Leonardo Dias.
“Queremos ajudar a transformar o agronegócio mineiro, levando tecnologia
para o campo por meio da capacitação técnica de jovens. Essa parceria está
alinhada com a nossa missão e o nosso compromisso de contribuir com o
desenvolvimento social e econômico de Viçosa e região com base na
educação.” – Adriana Faria

Na segunda reunião, o professor aposentado do Departamento de Fitotecnina
da UFV, Lino Ferreira, reforçou a importância de abordar a Integração Lavoura
Pecuária Floresta com os responsáveis pela assistência técnica e os pequenos
produtores da Zona da Mata.
No encontro, foram indicadas ações para viabilizar a construção de
treinamentos e palestras com esse tema. Segundo o gerente regional, a
formação, em parceria com o professor, será direcionada aos técnicos do
Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) nas cadeias de café,
gado de leite e corte.
“A Integração Lavoura Pecuária Floresta pode ser uma fonte de renda extra
para os produtores e também os ajudar a ter um balanço ecológico mais
sustentável. O professor Lino vai convidar parceiros da Agronomia e da
Engenharia Florestal para desenvolver esse trabalho de capacitação.” –
Marcos Reis
“A aplicação dessa tecnologia é muito importante e há um grande campo para
sua implementação entre os produtores assistidos pelo SENAR MINAS.” –
Mírian Rocha
Novo treinamento
No último compromisso, no Centev e no tecnoPARQ, foram discutidas a
criação conjunta de um curso sobre “Transformação Digital no Agro” e a
promoção de atividades do SENAR nas instalações do Centev.
A reunião contou com a participação de Marcos Reis, Celso Furtado Júnior,
Mírian Rocha, da coordenadora do tecnoPARQ, Francilara Miranda, da diretora
executiva do Centev, Adriana Faria, e, remotamente, da coordenadora de
Inovação e Conhecimento do SENAR MINAS, Tércia Almeida, e do CEO da
NovoAgro Ventures, Leonardo Dias.
“Queremos ajudar a transformar o agronegócio mineiro, levando tecnologia
para o campo por meio da capacitação técnica de jovens. Essa parceria está
alinhada com a nossa missão e o nosso compromisso de contribuir com o
desenvolvimento social e econômico de Viçosa e região com base na
educação.” – Adriana Faria

 

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo