fbpx
UFV

Cepe aprova Período Especial Remoto 2 a partir de fevereiro na UFV

Devido à insegurança e às incertezas que o país ainda vive em decorrência do futuro da pandemia de Covid-19, provocada pelo novo coronavírus, o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) decidiu dar continuidade às atividades acadêmicas remotas da graduação no primeiro semestre de 2021.

Em reunião realizada na quinta-feira (19), o Cepe aprovou o Período Especial Remoto 2 (PER 2), que acontecerá, de 1º de fevereiro a 21 de maio de 2021, nos três campi da UFV. Serão oferecidas, principalmente, as disciplinas previstas no catálogo de graduação para o semestre 2020-II. A exemplo do PER 1, cujas atividades ainda estão acontecendo e vão até 19 de dezembro, as aulas também serão realizadas por meio de Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação.

O Conselho aprovou ainda o Período Presencial de Práticas (PPP), com início em 7 de junho de 2021 e duração de cinco semanas, mas que ocorrerá somente se as condições epidemiológicas permitirem. O PPP será específico para disciplinas que tenham apenas aulas práticas que não tenham sido oferecidas nos períodos especiais remotos 1 e 2. Também serão contempladas pelo PPP as disciplinas que tiveram a parte teórica desmembrada da prática tanto no PER 1 como no PER 2.

De acordo com diagnóstico feito pela Pró-Reitoria de Ensino, o PPP não trará impactos restritivos às cidades onde os campi estão localizados, uma vez que apenas cerca de 20% dos alunos deverão participar das atividades.

O primeiro semestre letivo de 2021 da UFV, com entrada de novos calouros e retorno às atividades presenciais, está previsto para julho de 2021. A resolução do Cepe, com todos os detalhes sobre as decisões aprovadas, será publicada na próxima semana.

Fonte: UFV.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo