fbpx
Polícia

Suspeitos de iniciar tiroteio em frente ao presídio de Viçosa em março desse ano ganham liberdade provisória

A Justiça Criminal de Viçosa mandou soltar dois homens, um de 25 e um de 27 anos, que estavam sendo acusados de tentativa de homicídio contra policiais militares. Esses homens estavam presos desde o dia 20 de março de 2020.

O crime aconteceu quando um dos presos, o de 27 anos, ganhou a liberdade condicional e estava sendo solto. Porém, ao chegar na frente do presídio de Viçosa ele encontrou com o homem de 25 anos e outros amigos, que iriam fazer a sua escolta, porém acabaram iniciando uma troca de tiros com os policiais.

Com o tiroteio, na época, um homem acabou falecendo dias depois do ocorrido por causa de um tiro que recebeu na nuca, efetuado por um policial militar.

Os homens foram presos, o de 27 anos que iria ganhar a liberdade acabou sendo recolhido para o presídio de Viçosa e no dia seguinte foi transferido para o presídio de Muriaé e nessa quarta-feira (25) esses homens ganharam a liberdade provisória após a defesa deles rebater as acusações de que eles não estavam ali para tentar matar os policiais.

A defesa conseguiu a liberdade provisória desses suspeitos que continuam sendo investigados por outros crimes, já que a polícia acredita que eles fazem parte de um grupo criminoso que atua na cidade e que está em guerra com outros grupos criminosos da cidade.

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo