fbpx
DiversidadePolícia

UNIPAM afasta professor sãomiguelense investigado por trabalho análogo à escravidão

O Centro Universitário de Patos de Minas – UNIPAM, informou nesta segunda-feira (21) que D.C.M.R., professor da instituição, foi afastado de suas atividades.

D.C.M.R. foi citado em uma reportagem do Fantástico, da Tv Globo, como investigado em um caso de Trabalho Análogo a Escravidão. Uma mulher teria trabalhado por 38 anos sem receber salário.

O Prof Milton Roberto, reitor, ressaltou que o UNIPAM não compactua com os atos relatos e repudia qualquer tipo de crime.

Veja a íntegra da nota a seguir:

Nós da FEPAM e do UNIPAM tomamos conhecimento de uma notícia, envolvendo caso análogo a escravidão, envolvendo um docente da instituição, somente, ontem, pela mídia, e informamos a todos que não comungamos com os atos ali relatados.

A FEPAM e o UNIPAM sempre irão prezar em cumprir sua missão, que é transformar pessoas e sociedade por meio da excelência em educação. Tranquilizamos a todos: corpo discente, docente e funcionários, bem como toda a comunidade em geral, de que todas as medidas cabíveis e legais já estão sendo tomadas. Ademais, informamos que o referido docente já se encontra afastado de suas atividades, na instituição.

CLIQUE AQUI E ACESSE A REPORTAGEM SOBRE O CASO MOSTRADO NO FANTÁSTICO.

FontePatos Notícias (https://patosnoticias.com.br/?p=207920)

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo