fbpx
Polícia

Primeiro homicídio do ano é registrado em Ervália

Um homem de 20 anos foi assassinado a tiros em Ervália na noite de ontem, quarta-feira, 27. Por volta das 19:40 moradores da rua João Evangelista, bairro Morro do Roi, em Ervália havia acionaram a Polícia Militar e informaram que naquele endereço haviam ouvido estampidos de disparos de arma de fogo.

Os militares foram até o local e lá encontraram o corpo de um homem de 20 anos que foi identificado como Robson, homem conhecido pelo apelido de Neguinho de 20 anos.

Segundo a polícia, o corpo da vítima estava caído na entrada de um imóvel abandonado e apresentava sangramento no rosto e na cabeça.

Próximo ao corpo da vítima, os militares encontraram um aparelho celular e um coldre para arma de fogo.

Na lateral do imóvel onde o homem estava caído, os policiais encontraram uma sacola plástica, contendo dois tabletes de maconha.

Durante o registro da ocorrência os militares receberam informações de que um homem suspeito havia descido correndo o Morro do Roi pouco depois dos tiros.

Os militares iniciaram rastreamento e conseguiram localizar o suspeito de 20 anos.

Com ele os policiais apreenderam uma bucha de maconha e o aparelho celular. De acordo com informações da polícia, o suspeito assumiu ter assassinado a vítima.

Questionado, o abordado disse aos policiais que a vítima o devia.

Disse ainda que a vítima e ele haviam furtado algumas motocicletas na cidade de Rodeiro e a vítima o passou para trás.

Quanto a arma usada no crime, o suspeito disse aos policiais que usou uma garrucha calibre 22 e que após usar a arma para matar o comparsa jogou a arma no rio próximo ao bairro Vila São Geraldo.

O suspeito foi preso e conduzido para a Delegacia de Polícia.

Um perito da Polícia Civil foi acionado e esteve no local realizando os trabalhos de praxe, em seguida liberou o corpo da vítima para ser encaminhado ao IML de Ubá (Instituto Médico Legal) pela funerária de plantão.

O assassinato de ontem é o primeiro registrado este ano em Ervália.

ERRATA: Havíamos postado anteriormente, uma foto de uma outra vítima, falecida há alguns anos. Contudo, a postagem da foto havia sido equivocada. Pedimos desculpas aos familiares e amigos que possam ter se sentido constrangidos de alguma forma.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo