fbpx
Minas GeraisSaúde & Bem Estar

Minas Gerais foi o estado que menos investiu em saúde no país em 2020, ano da pandemia

Por lei, o governo deve gastar o correspondente a 12% da receita proveniente de impostos com saúde anualmente.

Minas Gerais é o estado brasileiro que percentualmente menos investiu em saúde ao longo do ano passado, mesmo com a pandemia de Covid-19. Segundo o Relatório Resumido de Execução Orçamentária (RREO), divulgado pela Secretaria de Estado da Fazenda, o estado fechou o ano com R$ 5,7 bilhões de despesas liquidadas em saúde, o que corresponde a 10,75% dos impostos arrecadados.

Por lei, o governo deve gastar o correspondente a 12% da receita proveniente de impostos com saúde anualmente. Além de Minas Gerais, outros dois estados não atingiram a taxa mínima em 2020: Paraná, que destinou 10,83% dos recursos à saúde, e Mato Grosso, com 11,6%.

No entanto, mesmo que tenha sido o estado que percentualmente teve menos despesas liquidadas em saúde em 2020, Minas aplicou na área da saúde cerca de R$ 1 bilhão a mais que em 2019. Em porcentagem, o Amazonas foi o que aplicou mais, com 19,70%, seguido pelo Amapá, com 19,35%.

Fonte: G1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo