fbpx
Minas GeraisSaúde & Bem Estar

Ocupação de leitos de UTI em Minas vai a 94%; região de Viçosa ultrapassa os 100%

Duas regiões ultrapassaram o total de leitos disponíveis: Triângulo Sul e Leste do Sul, a qual Viçosa faz parte.

A taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) exclusivos para a covid-19 em Minas Gerais bateu recorde nesta terça-feira ao chegar a 94,36%. De acordo com painel de monitoramento divulgado pelo governo estadual, duas regiões ultrapassaram o total de leitos disponíveis: Triângulo Sul e Leste do Sul, a qual Viçosa faz parte.

A primeira, onde está localizada a cidade de Uberaba, a 540 km de Belo Horizonte, tem taxa de ocupação de 141%. A cada 100 pessoas internadas na região, 95% estão com covid-19. No caso da região Leste do Sul, a ocupação está em 106%. Não há mais leitos de terapia intensiva nas microrregiões de Ponte Nova e Manhuaçu.

Em Viçosa, O HSJB tem dois leitos de Terapia Intensiva no Pronto Atendimento (PA), ocupados por dois pacientes de outro município. Já no Hospital São Sebastião, há um paciente positivo de Viçosa internado em leito de Terapia Intensiva no Pronto Atendimento. Em relação aos leitos de CTI Covid no São João Batista, todos estão ocupados.

De acordo com a SES-MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais), há 2.525 pessoas internadas em UTI em todo o Estado, neste momento.

Confira a taxa de ocupação de UTI por região:

Centro: 98,42%
Centro-sul: 92,66%
Jequitinhonha: 66%
Leste: 90,54%
Leste do Sul: 106,58%
Nordeste: 88,06%
Noroeste: 97,06%
Norte: 92,31%
Oeste: 87,50%
Sudeste: 92,28%
Sul: 94,46%
Triângulo do Norte: 81,93%
Triângulo do Sul: 141%
Vale do Aço: 90,59%

Fonte: R7

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo