fbpx
Região

Primas investem no processamento de frutas em Canaã

A maior parte da produção é feita com frutas colhidas em seus quintais, com destaque para a manga e a acerola.

As irmãs Rosângela Maria Machado e Rosimere Machado de Paula e a prima Ana Lúcia de Castro Baião Machado estão colocando em prática os ensinamentos do curso de Produção Artesanal de polpa de frutas, e em um mês elas já produziram e venderam cerca de 70 quilos de polpas em Canaã. A maior parte da produção é feita com frutas colhidas em seus quintais, com destaque para a manga e a acerola, que foram as mais vendidas até o momento, e para o aproveitamento do jambo, comum na região nessa época do ano.

A capacitação foi oferecida pelo Sindicato dos Produtores Rurais de Viçosa em parceria com o Sistema FAEMG/SENAR/INAES e a prefeitura local. “Foi uma excelente oportunidade de aprendizado e aperfeiçoamento para as produtoras e produtores que têm mais uma possibilidade de geração de renda no nosso município.” – Núbia Cristina de Freitas coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Canaã.

“Um dos principais objetivos do curso é auxiliar os participantes no aproveitamento das frutas que, muitas vezes, são desperdiçadas nas propriedades, e as produtoras de Canaã tem muita oferta e agora também uma demanda pelos produtos – Lígia Vidigal de Oliveira, instrutora. “Gostei e aprendi muito com o curso, por isso começamos a fazer as polpas. Nossa produção é caseira, e em apenas 18 dias já conseguimos ter lucros”. – Rosângela Maria Machado, produtora.

“Sempre tive vontade de fazer esse curso, e foi uma experiência maravilhosa. Temos uma grande variedade de frutas em casa, e agora também temos o conhecimento. Nos reunimos para produzir as polpas e dividimos as tarefas das vendas, entregas e da administração entre nós. Está sendo muito gratificante”. – Ana Lúcia de Castro Baião Machado, produtora.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo