fbpx
RegiãoSaúde & Bem Estar

Zona da Mata deverá seguir na Onda Roxa do Minas Consciente por mais uma semana

A decisão foi tomada hoje pelo Comitê Extraordinário Covid-19 nesta quarta-feira (07).

A Zona da Mata deverá seguir na Onda Roxa do Minas Consciente por mais uma semana. A decisão foi tomada hoje pelo Comitê Extraordinário Covid-19 nesta quarta-feira (07), grupo que se reúne semanalmente para avaliar a situação da pandemia no estado. No entanto, as medidas de toque de recolher de 20h às 05h e a proibição de reuniões familiares estão suspensas.

A suspensão atende a um acordo judicial feito pelo Governo de Minas na última segunda-feira (5/4), após o deputado estadual Bruno Engler questionar a constitucionalidade das medidas. Apesar do fim da proibição, o governador Romeu Zema (NOVO) reitera que o Estado desaconselha qualquer tipo de aglomeração ou trânsito desnecessário durante a pandemia.

“Essas medidas não serão mais obrigatórias, mas é essencial que todos façam a sua parte para conseguirmos reduzir a propagação do vírus Precisamos que a população mantenha todos os cuidados, use máscara e evite aglomerações para conseguirmos sair disso o mais rápido possível”, destacou.

A macrorregião de Saúde Triângulo do Sul e as microrregiões de São Gotardo, Montes Claros/Bocaiúva e Taiobeiras devem avançar para a onda vermelha do plano Minas Consciente. A decisão será publicada no Diário Oficial nesta quinta-feira (8/4).

No entanto, as localidades serão monitoradas pela Secretaria de Estado de Saúde até a próxima sexta-feira (9/4) para garantir que não haja piora nos indicadores da Covid-19. Somente será permitido o avanço a partir de segunda (12/4) caso o cenário positivo se mantenha favorável. As demais regiões do estado devem seguir, por mais uma semana, as medidas decretadas na semana passada.

Números

Na última semana, Minas Gerais registrou aumento de 5,2% nos casos de covid-19 e 7,8% nos óbitos decorrentes da doença. A taxa de isolamento em Minas, na última semana, foi de 46,3%. Já no Brasil, ficou em 49,94%. A incidência da covid-19 em Minas Gerais caiu 21% nos últimos 14 dias e 6% nos últimos 7 dias.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo