fbpx
RegiãoSaúde & Bem Estar

Após melhoria considerável nos índices de coronavírus, Ervália avança para Onda Amarela

Novas medidas de funcionamento das atividades comerciais passam a valer a partir desta terça-feira (4).

Após a redução considerável no número de casos ativos de coronavírus e apresentar diminuição na espera por leitos, Ervália progrediu para a Onda Amarela do Programa Minas Consciente Por determinação do Governo do Estado, a atualização atende a reclassificação da microrregião de Ubá para uma etapa menos restritiva do programa.

Em um mês, os casos diminuíram consideravelmente na cidade. Em 22 de abril, o município registrou apenas 10 pessoas com o vírus ativo no organismo, enquanto que no dia 25 de março foram contabilizados 128 casos ativos da doença – uma redução de quase 92%.

A queda neste número começou já 10 dias após o início da Onda Roxa, a mais restritiva do Programa Minas Consciente. A secretária Municipal de Saúde, Polyane Caetano, informa que foi possível controlar a pandemia através de rastreamento e testagem dos casos ativos, como também com aqueles que tiveram contato com pessoas infectadas.

Com o avanço de fase, a partir desta terça-feira (4) começaram a valer novas medidas para funcionamento das atividades econômicas e comerciais. A Prefeitura de Ervália informa, porém, que a situação na cidade ainda é de alerta e requer a continuidade do cumprimento dos protocolos sanitários, como distanciamento social, uso de máscara e higienização constante das mãos.

Confira abaixo o resumo do novo Decreto de n° 84, publicado na segunda-feira (3):

– Restaurantes, bares, padarias, sorveterias, lanchonetes e congêneres estão autorizados a funcionar até meia-noite, todos os dias da semana.

– Academias e clínicas de estética devem atender com horário agendado para evitar aglomerações.

– A realização de cultos, missas e demais atividades religiosas devem autorizar, no máximo, 50% da capacidade de assentos do local, assim como salões de beleza – desde que seja garantido um distanciamento interpessoal mínimo de 1,5 metros.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo