fbpx
saúdeSaúde & Bem Estar

Vacinação de adolescentes sem comorbidades contra a Covid-19 está suspensa em Viçosa

Suspensão segue determinação do Ministério da Saúde, que voltou atrás em relação à liberação da vacina para adolescentes de 12 a 17 anos.

A Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19, vinculada ao Ministério da Saúde, divulgou na manhã desta quinta-feira (16), uma nota informativa que revisa a recomendação para imunização contra Covid-19 em adolescentes, mantendo a sua aplicação somente aos adolescentes de 12 a 17 anos que apresentem comorbidades, deficiência permanente, ou que estejam privados de liberdade.

Ou seja, a vacinação para os adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades, a partir de agora, está suspensa.

Em contato com a nossa equipe de reportagem, durante o Jornal da Montanhesa, o Superintendente Regional de Saúde, Marcus Schitini, confirmou a suspensão da vacinação para essa faixa etária, seguindo a recomendação do Ministério da Saúde.

Ainda segundo o Superintendente, novas diretrizes serão aguardadas a partir desse momento, até que ocorra um devido esclarecimento por parte da pasta nacional da saúde. Em relação aos jovens já imunizados, Marcus afirmou que as vigilâncias epidemiológicas estarão melhorando o monitoramento de efeitos adversos que a vacina pode causar.

Na nota divulgada pelo Ministério da Saúde, foi informado ainda que suas recomendações serão revisadas sempre que necessário, tendo como base dados de segurança e as evoluções das evidências científicas.

Confira a nota completa clicando a seguir: SEI_MS – 0022770797 – Nota Informativa

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo