Polícia, Região
Zona da Mata: dona de clínica capilar irregular é detida sem registro de medicina
4 de julho de 2024

Uma mulher de 38 anos foi detida na tarde desta quarta-feira (3) durante uma operação da Polícia Civil em uma clínica no Centro de Muriaé.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Fábio Correia, a farmacêutica, que é proprietária do estabelecimento, realizava procedimentos de implante capilar sem ter o registro de medicina.

Além dela, duas técnicas de enfermagem, de 26 e 37 anos, também foram detidas.

A Vigilância Sanitária foi até o local e constatou que a clínica não estava regular para a atuar com os procedimentos. Aproximadamente R$ 17 mil e documentos foram apreendidos pela polícia, além de vários medicamentos de uso restrito, já que não foram apresentados receituários, notas fiscais e confirmações de quem seria o fornecedor.

Ainda segundo a polícia, não há alvará de funcionamento e nenhum médico responsável pela clínica.

Informações: G1 Zona da Mata