CidadaniaEconomiaEducaçãoMinas GeraisUFV

MEC QUER ADOTAR NOVOS MÉTODOS DE REPASSE DE VERBAS PARA INSTITUIÇÕES PÚBLICAS

O Ministério da Educação cogita uma nova maneira de repassar as verbas para universidades públicas no Brasil. O objetivo seria destinar mais dinheiro àquelas instituições que apresentarem melhor rendimento, em indicadores como governança, inovação e empregabilidade. O tamanho das instituições também serão levados em consideração.

Procurado pelo Jornal Folha da Mata, o reitor da UFV, Demetrius David da Silva, afirma que ainda não dá para fazer suposições sobre possíveis impactos desse projeto do Ministério da Educação (MEC).

De acordo com a reitoria, o ponto de vista do MEC, é muito complexo, uma vez que quando se envolve custos, o tamanho é uma medida mais ajustada, pois é adequada à necessidade dos recursos. “A governança e a eficiência não mensuram a necessidade de gastos e podem ser consideradas uma lógica até inversa, pois se você aporta mais recursos para quem é eficiente, sem necessidade, a tendência é que se torne ineficiente”, salientou.

A UFV, no Índice Integrado de Governança e Gestão Pública, não alcançou uma boa colocação. De acordo com o levantamento do Tribunal de Contas da União, a instituição, alcançou um índice de 38%.

A reitoria, para amenizar a situação da posição da universidade no ranking, através da Pró-Reitoria de Planejamento e Orçamento a Diretoria de Governança Institucional, que vem realizando ações para melhorias das práticas de gestão dentro da instituição.

Fonte: Folha da Mata.

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido! © Copyright Primeiro a Saber.
Fechar
Fechar