fbpx
Diversidade

Gol volta a operar voos da linha Juiz de Fora a São Paulo no Aeroporto Regional Presidente Itamar Franco

A Gol Linhas Aéreas Inteligentes confirmou ao G1 que os voos entre Juiz de Fora e São Paulo (SP) serão retomados a partir da próxima quinta-feira (3). São dois voos, um em cada rota, três vezes por semana. As operações da linha foram suspensas no fim de março por causa da pandemia da Covid-19.

Os voos com origem Juiz de Fora saem do Aeroporto Regional da Zona da Mata Presidente Itamar Franco, em Goianá. Em São Paulo, o trecho é feito no Aeroporto Internacional de São Paulo – Guarulhos (GRU). A Gol informou que o retorno dos voos estava marcado inicialmente para terça-feira (1º), mas precisou ser reagendado.

Medidas e protocolos de higiene foram tomadas para essa retomada, como disponibilização de kits com luvas, álcool em gel nos aviões a cada novo voo e uso obrigatório de máscara. (Veja as medidas abaixo).

Veja os novos horários

 

Horário dos voos

OrigemSaídaDestinoChegadaFrequência
São Paulo (GRU)9h50Juiz de Fora (IZA)10h50terça, quinta e sábado
Juiz de Fora (IZA)11h30São Paulo (GRU)12h30terça, quinta e domingo

Medidas adotadas

 

Em nota, a Gol Linhas Aéreas informou que todos os procedimentos regulares foram reforçados, além dos já rígidos padrões de sanitização da aviação civil estabelecidos pelos órgãos responsáveis, alinhados com as recomendações da Organização da Aviação Civil Internacional (OACI), Organização Mundial da Saúde (OMS), Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) e Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A companhia informou que foi a primeira a “solicitar o uso de máscaras por todos os clientes nos voos em operação (desde 10/05)” e tem como base para essa medida as informações científicas mais recentes e as recomendações de diversos órgãos públicos pelo Brasil e pelo mundo.

Também foram implementadas avançadas medidas adicionais de limpeza e higienização dos aviões durante as paradas em solo e pernoites, com atenção redobrada aos assentos e os braços das poltronas, cintos de segurança, bandejas, piso e paredes.

Foi aprimorado o processo de limpeza noturna com o uso de um desinfetante de grau hospitalar para as galerias de serviço e todas as áreas de uso interno na cabine, incluindo a dos pilotos. Luvas e máscaras já vinham sendo distribuídas aos funcionários de ar e solo, além de companhia deixar à disposição álcool em gel para todos.

A Gol informou que as aeronaves são equipadas com um sistema de filtro de ar HEPA, que captura de 99,9% de partículas microscópicas, como bactérias e vírus, ao promover a renovação do ar do avião a cada 3 minutos, permitindo a circulação de um ar sempre mais puro.

Desde o início de junho, a companhia vem retomando, gradualmente, o serviço de bordo, com snacks (entregues no desembarque) e água sob demanda ao longo de todo o voo.

Medidas extraordinárias de atendimento foram adotadas, como técnicas de distanciamento social; desligamento de totens e uso de adesivos para demarcar a distância mínima durante o processo de embarque e também a bordo; e o fechamento da sala VIP dos aeroportos.

As novas medidas de segurança nos aeroportos aumentam também o tempo de deslocamento interno. Com isso, a Gol solicita aos clientes que façam o check-in online/via aplicativo, que estará liberado com 48 horas de antecedência (até o limite de 1 hora) antes do voo.

Fonte: G1.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo