fbpx
Diversidade

ONG que começou em Viçosa é premiada como uma das melhores do país

A Organização Engenheiros sem Fronteiras (ESF) do Brasil foi classificada entre as três melhores ONGs do país de 2020 e premiada pela 2ª vez como a melhor ONG brasileira no eixo de Desenvolvimento Local. O resultado da premiação, divulgado nesta quinta-feira (10), ainda destacou a ESF-Brasil entre as 10 melhores ONGs de pequeno porte.

A ESF-Brasil foi fundada em 2010 na UFV como uma organização sem fins lucrativos, que parte de um movimento internacional, iniciado na França, na década de 80, e que está presente, atualmente, em mais de 100 países. No Brasil, a organização já alcançou o marco de 750 projetos concluídos e 84 mil vidas beneficiadas. Anualmente, 2 mil voluntários entre estudantes e jovens profissionais atuam em projetos e ações em 57 cidades em que possuem núcleos locais, dentre eles os Viçosa e Rio Paranaíba, ambos formados por estudantes de graduação e pós-graduação, com apoio de professores da UFV.

A organização atua em quatro eixos: sustentabilidade, educação, empreendedorismo e infraestrutura. Os projetos mais realizados pela rede são o de captação de água de chuva, hortas e compostagem, reformas, educação ambiental e projetos de apoio estratégico a instituições sociais, escolas e apoio à geração de renda de indivíduos e/ou comunidades. Mais informações sobre os projetos podem ser obtidos no site e no Instagram da ESF-Brasil.

Interessados em apoiar a organização para o desenvolvimento de mais trabalhos em comunidades de todo o Brasil, podem contribuir com doações ou com voluntariado.

Sobre a Premiação

Há mais de 800 mil organizações sociais no Brasil e o Prêmio Melhores ONGs tem como missão reconhecer e divulgar as organizações do país que mais se destacam anualmente pela sua excelência em gestão, governança, sustentabilidade financeira e transparência. A participação na seleção é aberta e gratuita para todas as associações e fundações sem fins lucrativos.

De acordo com a equipe do ESF-Brasil, “receber esse reconhecimento demonstra a seriedade de um trabalho feito há 10 anos para promover o desenvolvimento sustentável e transformar realidades”.

Fonte: UFV.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo